Drag

17/03/2009 at 11:17 PM Deixe um comentário

Ainda pouco, minha mãe me liga muito triste pra comentar algumas coisas e a primeira delas (o ídolo dela) Clodovil morreu. O.O

Eu odeio aquele blá blá blá do tipo, “você é um produto dos seus pais”…aquela conversa batida que culpa (ou parabeniza) os pais pelo que eu, você, e todo mundo, é hoje.

Mas tem hora que eu tenho que concordar. Hoje eu vou escrever sobre os travestis. Por que? Porque eu ADORO eles. Se eu tiver uma lista de coisas/pessoas pra me inspirar eles estão (no topo) dela.
Agora vamos aos fatos!

Fato 0: Quando tudo começou?!
Ta, primeiro, eu não acordei um dia, achando os caras os mais bacanas. Na verdade, eu sempre fui uma menina meio biba…no sentido de travequinha mesmo. Meus tios adoram lembrar que eu colocava maquiagem, ligava a musica e dublava “At first I was afraid… I was petrified…”. Nas aulas de dança então, a maionese desandava legal, porque o meu repertório, era digno de uma boate gay. Daí eu fui crescendo, e isso não passou. Piorou.

Fato número 1: Que porra é essa de gostar de drags?
Tudo começou por culpa dos deus pais (parágrafo 1 por favor). Meu pai é do tipo que nunca teve tabus em casa, logo, eu pude conviver, e ver os travestis sem nenhum problema. Minha mãe, os adora, é inegável. E quando mais nova, minha mãe era uma dançarina de grupo folclórico. Isso significa que quando eu abria o guarda roupa dela, caiam saias, brincos, e quilos de maquiagem, dignos de uma verdadeira DRAG. O que eu quero dizer com isso é que, NA MINHA CASA, os drags são vistos como estrelas. Tem todo um glamour.
Aqui, a gente não se reune em volta da tv pra ver jogos de futebol, ou pra ver o final da novela. A gente pára tudo pra ver o Gala Gay, ou uma discussão de travestis em algum programa. É preferência geral.

Fato 2: Desejo?
Embora eu admire os caras, não iria pra cama com eles. Ta, eu sei que são homens e tudo, porém, eu me inspiro neles, e não tenho tesão. ponto.

Fato 3: O que me atrai?
Com certeza é a ATITUDE. Eles tem o que eu não tenho, e acho o mais “tchan” num cara/mulher/biba. O poder de dizer, eu vou assim, porque isso me faz bem e pronto, foda-se a opinião alheia. Não só nas roupas, maquiagem, mas em tudo, eles são o que são, e tem um brilho no olhar, uma garra de ser sempre lindo. Isso de “ser você, e foda-se o resto” me dá tesão de ouvir. Isso, mais uma colher de boca suja, purpurina, musicas do tipo Scissor Sisters… ai não quero mais nada. E outra, eu tenho amigos que se vestem de mulher sim, e eles são tudo, porque quando eu tô down, eles são “experts” na arte de fazer qualquer problema virar um NADA.

Fato 4: De menina à drag
Por ser garota é mais fácil ser drag. E eu me inspiro nos caras MESMO. Nos cílios enormes, nas roupas coloridas, nas frases, até na frescurinha típica do tipo “sou uma diva”… algumas pessoas até acham que eu as vezes tô parecendo uma drag, (quem já me viu bebum de salto sabe do que eu tô falando).

Então esta aí, meu post sobre os travestis. O porque de gostar tanto deles. Eu poderia dizer que sou fã da Madonna, mas quem você acha que a inspira própria? ¬¬

Anúncios

Entry filed under: Pensamentos.

Que tudo se foda! Besteiras

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Posts por Mês

março 2009
S T Q Q S S D
« fev   abr »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  

Obrigada pela Visita!

  • 837,911 visitas

Tricô

Confira os vídeos e receitas de tricô para iniciantes!

Link-Me

Para se tornar um parceiro, pegue nosso banner e entre em contato!

Fotos no Flickr

Top Blog 2010


%d blogueiros gostam disto: